Há 52 anos ininterruptos, o companheiro “Marcos José Duarte Dias” se mantem presente junto
ao Rotary; acompanhado atualmente de Genro e Neto, formam uma bela família de rotarianos. Hoje teremos o prazer de entrevistar um dos companheiros mais antigos junto ao Rotary Clube de Alfenas Norte do distrito 4560 área-5.

  1. Por que se associou ao Clube?
    Para oferecer os meus conhecimentos profissionais, para propiciar oportunidades aos jovens, para atender as necessidades especiais de outros e para melhorar a qualidade de vida de minha comunidade.
  2. Quais os Cargos você já ocupou no Rotary ou no distrito?
    No Rotary clube Alfenas Norte: fui presidente, vicepresidente 4 (quatro) vezes, protocolo por 10 (dez) vezes, desenvolvimento do quadro social 12 (doze) vezes.
  3. Qual é o seu lema de vida?
    “Dar de si antes de pensar em si”, que é o lema de todos os rotarianos.
  4. Cite um companheiro que mais admira?
    Sinceramente são muitos, mas citarei um apadrinhado que levei para o nosso clube a mais de cinquenta anos: Dr. Sálvio Gonçalves.
  5. Qual o momento ou acontecimento em sua vida rotária que mais fez com que você tenha orgulho de ser rotariano?
    São as campanhas que desenvolvemos no clube visando ajudar os mais necessitados. Como o banco de cadeira de rodas onde emprestamos mais de 1500 cadeiras aos que necessitam.
  6. Que transformação o clube proporcionou a você?
    Foi ver a vida de uma outra perspectiva com mais amor e companheirismo por nossos semelhantes.
  7. Quais os desafios que você teve como Rotariano?
    Foi quando nosso clube passou por uma má administração, sendo abandonado por muitos companheiros. Colocar o clube em funcionamento novamente foi um grande desafio.
  8. O que você mais gosta no Rotary?
    Sinceramente, o nosso companheirismo e a grande amizade entre os companheiros e seus familiares.
  9. Sugestão para aumentar o quadro associativo do distrito?
    A única maneira de reter o quadro associativo de um clube é atuando dia e noite em prol de nossa sociedade mais necessitada.
  10. Pela sua experiência em Rotary o que você aconselha aos demais companheiros?
    Criar consciência e ser atuante: consciência é a virtude que nos permite examinar e julgar moralmente os nossos próprios atos e com isso encontrar o resultado provocado no mundo e nas outras pessoas por meio dos nossos erros ou acertos.
Avô – Marcão (centro) Genro( barba branco) e Neto (camisa listrada) rotarianos